Tratamento da Esquizofrenia RJ

Tratamento da Esquizofrenia no Rio de Janeiro, doença mental grave caracterizada por sintomas positivos de alucinações, delírios e transtornos do pensamento. As alucinações costumam ser auditivas, na forma de vozes que se ouvem da pessoa e na terceira pessoa, embora essas alucinações costumam acontecer em outros sentidos. Os delírios costumam ser bizarros, sentidos com uma forte convicção, muitas vezes envolvendo uma interpretação equivocada da percepção ou da vivência. O conteúdo dos delírios pode incluir uma série de temas, como ser controlado por outros, perseguição, idéias de referência, e idéias somáticas, religiosas ou grandiosas. Os transtornos do pensamento se inferem a partir do prejuízo e da desorganização da linguagem. As alucinações e os delírios, e, às vezes, os transtornos do pensamento, são chamados de sintomas positivos e refletem um excesso ou uma distorção do funcionamento normal. Os sintomas negativos também costumam estar presentes e refletem uma redução ou perda do funcionamento normal. Estes incluem restrições na gama ou na intensidade das emoções, na fluência e na produtividade do pensamento e da linguagem e no desencadear do comportamento. As conseqüências desses sintomas podem ser a disfunção no funcionamento pessoal, social, ocupacional e profissional. Os transtornos comórbidos, principalmente a depressão e a ansiedade, são freqüentes e prejudicam ainda mais o funcionamento. O risco de suicídio é alto.

Os tratamentos tradicionais para a Esquizofrenia permanecem sendo a medicação antipsicótica e algum tipo de manejo de caso. A terapia cognitivo-comportamental para psicose (TCCp) é usada como complemento à medicação psicótica adequada. A TCCp nos últimos anos tem estado dirigida principalmente à redução dos sintomas positivos.